Bem-vindo(a) ao Versus Acne.
  • Isotretinoína em falta

    Oi!


    Tenho recebido vários e-mails de leitores perguntando sobre a suspensão de venda do genérico do Roacutan, a Isotretinoína fabricada pelo laboratório indiano Ranbaxy, que pertence ao japonês Daiichi-Sankyo.




    Até o momento eu também não sabia de muita coisa e, pelo visto, ninguém tinha informações concretas. Mesmo entre os funcionários da empresa fabricante, treinados para atendimento ao público, não havia quem pudesse responder aos consumidores (vocês!) , pegos de surpresa com o sumiço do medicamento.

    Mas até que enfim uma resposta...

    No site do laboratório, foi publicado no início deste mês um comunicado que esclarece alguns aspectos do sumiço do remédio das drogarias em todo o país.

    O documento na íntegra você pode ler clicando aqui.

    O que aconteceu

    A empresa diz que a produção e o comércio da Isotretinoína em cápsulas foi totalmente suspenso.

    Os motivos

    Muitos ouviram boatos que o remédio teve problemas com a fiscalização ANVISA, mas agora eu posso confirmar que foram apenas rumores.

    Eu já havia feito uma pesquisa no site na Agência Nacional de Vigilância Sanitária e não havia nenhuma informação sobre o assunto, mas sim sobre a apreensão de inúmeros lotes da Isotretinoína e do Cecnoin no ano de 2002, que posteriormente foram liberados quando se averiguou que não havia nenhum problema com eles.

    Este caso não tem nenhuma relação com a suspensão atual da Isotretinoína, mas deve ter sido por causa dele que algumas pessoas levantaram a hipótese que houve pela segunda vez um problema na fiscalização dos remédios. Mas repito: isso aconteceu somente uma vez, em Novembro de 2002.

    A Isotretinoína Ranbaxy, único genérico do Roacutan no país, foi suspensa por iniciativa da própria fabricante, que alega que está melhorando o processo de produção e que vai retomar as atividades quando todas as etapas da mudança estiverem concluídas.

    A crítica

    Acredito que recebi o primeiro e-mail de um leitor sobre a falta da Isotretinoína Ranbaxy há uns 2 meses.

    O comunicado foi publicado há 2 semanas.

    E pelo que sei, nem todos os usuários foram previamente comunicados da mudança. Uma questão mais importante: todos os dermatologistas foram comunicados?
    Por favor, poste um comentário se você foi alertado pelo seu dermatologista, tendo sido ele informado pela fábrica, que a comercialização de Isotretinoína seria suspensa.
    A isotretinoína em cápsulas é prescrita segundo cada caso, mas a dose, geralmente, é diária. A interrupção por um curto espaço de tempo pode comprometer todo o tratamento.

    Além do mais, em caso de aviso prévio, quanto tempo seria necessário para que os usuários se organizassem para substituir o genérico pelo original (Roacutan, da Roche) levando em conta a diferença do preço? Ou para conseguir o remédio pelo SUS?

    Observação: Para mais informações sobre como conseguir Roacutan pelo SUS leia os seguintes posts:

    COMO CONSEGUIR ROACUTAN PELO SUS
    F.A.Q DO ROACUTAN
    PROCEDIMENTO PARA CONSEGUIR ROACUTAN PELO SUS
    EXAMES PARA TOMAR ROACUTAN
    ÚLTIMOS PASSOS – ROACUTAN PELO SUS

    Mais críticas

    A Ranbaxy também anunciou a suspensão de dois programas ligados ao comércio da Isotretinoína em cápsulas.

    - O programa de retratamento

    Só é válido se os documentos forem enviados até o dia 30 de Junho de 2011, após essa data o programa será desativado.

    (O programa de retratamento foi uma iniciativa da Roche copiada pela Ranbaxy que paga um segundo tratamento para o paciente caso ele volte a ter acne após um primeiro ciclo com Isotretinoína. Saiba mais sobre o programa de retratamento da Ranbaxy no post - "A Ranbaxy paga o seu trataamento")

    - O programa Ranbaxy com você

    Era um programa que bonificava a compra de remédios de uso contínuo. No caso da Isotretinoína via oral, a cada 5 caixas, você ganhava 1 de graça. O programa foicompletamente extinto.





    Conclusão

    No começo deste ano, havia três motivos para escolher pelo genérico ante o Roacutan:

    - Ele era mais barato

    - Ele tinha um programa de retratamento igual ao Roacutan

    - Ele fazia parte da lisra de remédios do programa Ranbaxy com você

    A partir do dia 7, com a publicação do comunicado, o genérico ainda parece ser uma boa opção, mas os motivos para comprá-lo são bem diferentes, e, na verdade, há só um:

    - Ele pode vir a ser mais barato que o Roacutan (não se sabe se o preço após a volta ao comércio será o mesmo)

    Além do mais, não se sabe quando o remédio voltará a ser fabricado. Pode demorar uma semana, um mês ou um ano.

    Alguns leitores me disseram que vão esperar pela volta devido a diferença do preço. Eu realmente acredito que ele continuará sendo mais barato que o Roacutan (o quanto é impossível dizer). O que me preocupa é o tempo que isso pode levar.

    Para mais informações, é possível entrar em contato com a Ranbaxy pelo formulário de contato no site:
    http://www.ranbaxy.com.br/ ou pelo telefone: 0800 704 7222

    Até mais e me desculpem pelas más notícias....


    14 comentários antigos:


    Anônimo disse...
    Eu uso a isotretinoina à 4 meses , e não fui comunicada pelo meu dermatologista sobre sua falta nas farmácias , esse mês fui comprar e nao achei o mesmo... comprei o roacutan e paguei bem mais caro, o pbm agora é continuar o tratamento com o roacutan. Já visto que bem mais caro , e a dúvida maior é... a isotretinoina não vai dar o retratamento caso necessario , e isso é preocupante.
    29 de julho de 2010 08:20


    Editor do Versus Acne disse...
    Oi!


    Obrigado pelo comentário. Eu tinha mesmo medo que nem os dermatologistas houvessem sido previamente avisados da suspensão da produção da Isotretinoína Ranbaxy.


    Eu não uso o remédio, mas senti que os consumidores ficaram muito ofendidos com essa desconsideração.
    29 de julho de 2010 21:57


    Carol Branco disse...
    Oi marcos, olha, eu tava com dificuldade sim, mas acho que era o bloqueio lá do meu trabalho, eu consigo visualizar o layout perfeitamente, mas no meu trabalho não apareçe a caixa do comentário!
    Enfim, parabens pela informação, seu blog tá otimo.
    abraços!
    30 de julho de 2010 18:23


    Editor do Versus Acne disse...
    Carol, obrigado pelos elogios!


    Por favor, me avise se você tiver problemas com os comentários de novo.
    3 de agosto de 2010 10:18


    Thamires disse...
    meu dermatologista não estava sabendo de nada! e ate aconselhou a colocar na justiça!
    16 de agosto de 2010 17:20


    Editor do Versus Acne disse...
    Thamires,


    Eu não conheço da legislação o suficiente para saber quais as chances de ganhar o processo, mas defendo totalmente a causa. Não me incomoda que a Ranbaxy tenha retirado o produto do mercado, mas sim que ela não tenha comunicado os usuários e nem os médicos!
    19 de agosto de 2010 18:41

    Anônimo disse...
    No Inicio do ano a comercialização da Isotretinoina foi proibina nos EUA por motivos de efeitos colaterais! Acredito que o fato da proibição nos EUA tenha afetado a industria brasileira e a propria produção do principio ativo e a sua importação. Sou farmacêutica e para nós também ficou muito vago as explicações, simplemsmente o produto não vem mais...
    7 de setembro de 2010 17:04


    Anônimo disse...
    A minha dermatologista não foi comunicada, somente quando fiz uma via sacra pelas drogarias e farmácias (em junho) é que me comuniquei com ela e falei da ausência do medicamento, nem mesmos os farmacêuticos foram avisados. É um apena, pois depois de muita procura conseguir uma caixa e achei ótimo, no segundo mês tive que comprar o roacutam que é muito mais caro. Não existe no Brasil outro laboratório de genericos que possam fabricar o medicamento?
    19 de setembro de 2010 06:06


    Anônimo disse...
    Pois é, meu sobrinho foi começar o tratamento de acne, por isso ficamos sabendo da falta do medicamento.aqui na cidade de Bauru poucos tem o roacutan da roche o genérico nem pensar, na farmacia de alto custo do H. estadual tb faz tempo que não vem o medicamento,o que está havendo? não existe outro lab. que possa estar enviando o medicamento ou então, procurar saber um substitu.
    21 de outubro de 2010 15:11


    Anônimo disse...
    ola, comecei o tratamento a 1 mes e ja estou com dificuldades em comprar o medicamento generico, devido o fabricante nao fabricar, ainda mais houve uns comentarios que alem, da Ranbaxy a Roche tbm nao esta produzindo pois, iram formular outro medicamento no lugar da isotretinoina. Estou no prejuizoo pois irei ter que suspender meu tratamento pois nao tem mais o remedio em circulacao. by bruna thalita/ boa vista RR
    4 de dezembro de 2010 09:56


    Anônimo disse...
    Já fiz tratamento com o Ranbaxy há cinco anos, e agora terei que fazer de novo. Não vejo como comprar o remédio, pois aqui na minha cidade (Uberlândia-MG) já peregrinei por todas as drogarias sem sucesso. E tem mais: sem ele, o Roacutam está sendo vendido sem desconto, a caixa está saindo em média R$140, isso quando é encontrado, quando antes ficava em torno de R$100. Por causa da concorrência, antes eles tinham que dar desconto pra não perder o freguês, agora, sem concorrencia, cobram o quanto querem. Não sei o que fazer. Alguém sabe quando será normalizada a produção e comércio?


    Munique
    14 de dezembro de 2010 13:44

    Anônimo disse...
    Oi editor,estou conhecendo só agora o seu blogger e gostei muito.
    No ano passado,meu filho estava fazendo tratamento com a isotretinoina do rambaxy,quando depois de quatro meses de tratamento,não encontramos o medicamento.Depois de muitas comunicações com o laboratório entrei na justiça através dos pequenas causas.Já aconteceu a primeira audiência p/um acordo,onde propuseram de pagar o gasto que tive.Como não chegamos a um acordo,foi marcada uma audiência agora em 14/04/2011.Gostaria muito de saber se outras pessoas moveram ações como eu,e se deu resultado.Gostaria de entrar em contato com a Thamires que tbém postou comentário.Vou presisar de mais agormentos para a minha defesa de danos morais.


    Helenice.
    4 de abril de 2011 07:27


    Anônimo disse...
    Ola sou Isaac, e adorei todas as dicas que vc deu no blog, mas gostaria de saber se o hidratante avon care pode ser usada em quem tem acne?
    Tenho uma dica para vc, quando puder, se quiser testar a linha Acnew da Abelha Rainha, oleite de enxofre deles é ótimo para amenizar as acnes que ja tem e para preveni-las, não é milagroso mas ajuda, é fedorento mas vale o esforço.
    Agradeço pelas dicas, valeu!!
    26 de maio de 2011 13:55


    Amanda Pinho disse...
    Olá, estou adorando as dicas do blog! Faço uso do Roacutan desde 26.07.11 e, embora minha dermato não tenha me indicado o genérico, procurei saber do valor já que o tratamento com Roacutan custa muito caro e leva um certo tempo. Entrei em contato hj com o 0800 da Ranbaxy fornecido aqui e me informaram que ainda está "em estudo", ou seja, fora do mercado e sem previsão de retorno. Obrigada!
    13 de outubro de 2011 07:29
    Comentários 1 Comentário
    1. Avatar de Rogério Ribeiro
      Já Tomei 10 Caixas do Roacutam Roche, falta 04 para fechar meu tratamento, agora não acha em drogaria nenhuma, não quero tomar esse genérico, pois dizem não fazer o mesmo efeito.